Dica cultural nº 10

Sexta-feira, como sempre, é dia da “Campanha contra o nosso emburrecimento”, lançada pelo ALTA FOLHA por prazo indeterminado, infinita que é a nossa ignorância.

Semanalmente, apresentamos algumas dicas culturais que podem contribuir para ampliar seu horizonte de consciência. Falando português, são sugestões que podem torná-lo mais inteligentinho e espertão.

Hoje vamos falar de um HERÓI NACIONAL (e temos vários!), cuja história é completamente desconhecida pela própria população brasileira: José Bonifácio de Andrada e Silva.

José Bonifácio de Andrada e Silva, o Patriarca da Independência do Brasil (Benedito Calixto).

Entre várias outras atuações importantíssimas, José Bonifácio foi simplesmente o maior responsável pela independência do Brasil.

Homem de cultura gigantesca e de uma coragem inimaginável nos dias atuais. Encarna e representa virtudes que desapareceram por completo do nosso imaginário coletivo.

Mesmo que timidamente no alcance, o ALTA FOLHA tem buscado chamar a atenção para a necessidade do resgate dessas referências.

Como o professor Sergio Pachá (lembre-se da dica nº 8) costuma dizer, “nós descendemos de heróis“, e é desastroso quase ninguém saber disso!

Conhecer a história e seus protagonistas não se trata de adquirir simples curiosidades que logo somem da cabeça, ou de decorar meia dúzia de datas e fatos para adornar seus comentários por aí. Aliás, a definição de cultura nos leva ao sentido exatamente oposto.

Como o próprio nome sugere, cultura está relacionada, primeiro, a culto. A tudo que é digno da nossa atenção, merecendo cuidado em preservar porque nos eleva.

Relaciona-se também a cultivo: o conjunto de esforços humanos em determinado local que, ao longo do tempo, projeta um conhecimento perene na sociedade, na forma de tradição. O resultado de tudo o que foi construído de melhor por nossos antepassados e que desejamos transmitir às gerações futuras.

Envolve a consolidação de valores morais, religiosos, estéticos que possuímos em comum, possibilitando nos identificarmos enquanto iguais.

Reside no conhecimento e na compreensão do passado, portanto, o próprio norte futuro dos caminhos a serem trilhados no presente.

No caso brasileiro, a história é farta em nos mostrar a grandeza de nosso povo, representando José Bonifácio o que temos de melhor, sobretudo quanto às virtudes que encarna.

Mas, como dizia, referências como essa – que devem ser também honradas – sumiram do nosso imaginário, e são pra ontem iniciativas que tentem resgatá-las.

É importante conhecer quem foi esse gigante brasileiro e vamos contribuir para o start. Aproveite o fim de semana para assistir ao filme-documentário “Bonifácio”, produzido pela IVIN Films.

Nele, estudiosos brasileiros e estrangeiros esquadrinham a vida e as ações de José Bonifácio. O filme está disponível na LUMINE, a Netflix do bem que já lhe apresentamos aqui, na dica cultural nº 7.

Assista ao trailer:

Abençoado fim de semana a você!


Leia as dicas anteriores aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.